A Recoletora

A Recoletora

Tendo como objetivo central a promoção de plantas selvagens locais comestíveis, introduzindo-as na dieta portuguesa, A Recoletora desafia-nos a diversificar a alimentação e a recuperar a cultura gastronómica popular local. Começando pela pesquisa em quatro zonas verdes na área geográfica da Biennale, esta atividade irá identificar e mapear espécies bravias num processo que incluirá documentação, formação e sensibilização através da construção de um website, passeios interpretativos, workshops e um jantar.

Atividades

10 de julho

10h00 – 12h00

Caminhada no Porto

Sujeita a inscrição (máx. 20 pessoas)

Apropriado para todas as idades

Orientado por: Fernanda Botelho, especialista em plantas silvestres

16h00 – 17h30

Workshop de cozinha no Hortus Conclusus, Porto

Sujeita a inscrição (máx. 10 pessoas)

Apropriado para > de 8 anos

Orientado por: Cuka Linck, chef

18h00 – 19h30

Apresentação do Trabalho de Campo no Hortus Conclusus, Porto

11 de julho

10h00 – 12h00

Caminhada em Matosinhos

Sujeita a inscrição (máx. 20 pessoas)

Apropriado para todas as idades

Orientado por: Fernanda Botelho, especialista em plantas silvestres

16h00 – 17h30

Workshop de cozinha no esad—idea—café

Sujeita a inscrição (máx. 10 pessoas)

Apropriado para > de 8 anos

Orientado por: Cuka Linck, chef

18h00 – 19h30

Apresentação do Trabalho de Campo no esad—idea—café