Museu da Matéria Viva

Museu da Matéria Viva

Uma exposição e workshops que pedem a nossa atenção para todos os seres vivos, procurando encorajar cidadãos e designers para a construção de novas práticas e relações para o futuro.

O Museu da Matéria Viva, inspirado no livro Vibrant Matter, de Jane Bennett, pede que prestemos atenção e nos sintonizemos com as nossas materialidades locais biológicas, técnicas e híbridas como um ato de cuidado para connosco, outros seres vivos, os solos, a água e a geologia.

Vemos todos os materiais, incluindo os resíduos, como “nutrientes” no contexto de ciclos curtos, longos ou muito longos disponíveis a todas as formas de vida. Baseamo-nos em memórias culturais e novas experiências materiais para reativar os nossos conhecimentos, sensoriais e outros, acerca das nossas materialidades locais.

A partir de explorações nos territórios locais das cidades do Porto e de Matosinhos, queremos descobrir materiais, identificar mundos habitados de matéria e procurar novas relações íntimas com a nossa terra e os nossos rios e mares. Procuramos situações materiais vibrantes, simpoiéticas, novas socioecologias e novas “fabri-culturas” (culturas de fabricação). Expomos memórias materiais e novas experiências, mostramos práticas materiais e construímos um arquivo de matéria viva em conjunto com designers, especialistas locais e cidadãos.

O Museu da Matéria Viva incita-nos a adotar atitudes radicais, ainda que humildes, que vão além da antropossupremacia, de modo a podermos desenhar coletivamente futuros materiais preferíveis que nos regenerem a nós, às nossas comunidades e aos nossos habitats terrestres, aquáticos e marinhos.

Equilibrando inspiração e pragmatismo, curiosidade e sentido de jogo, materialidades existentes com materialidades possíveis, no Museu da Matéria Viva encorajamos todos a tornarem-se “exploradores” materiais.

Horário Casa do Design, Matosinhos

Seg-Sex: 9:00-12:30 14:00-17:30

Sáb, Dom e Feriados: 15:00-18:00

Elementos do Museu da Matéria Viva

Questões Materiais

Questões Materiais é a sala de leitura do Museu da Matéria Viva. Aqui pode encontrar os escritos de designers, arquitetos, antropólogos, filósofos, cientistas materiais e outros que nos desafiam a refletir sobre as nossas relações com as materialidades vivas (biótica), não vivas (abiótica) e híbridas, e sobre os processos que utilizamos para transformar matéria noutras coisas.

Materialidades

Materialidades revela ensaios, protótipos e experiências além das materializações do mercado para considerar novas relações com mundos materiais mais vastos. Como é que este re-fazer configura novas possibilidades que sejam regenerativas, não destrutivas, e encorajadoras de modos de produção circulares, sustentáveis e mais cuidadosos? Conseguimos encontrar um equilíbrio entre comprar materiais/artefactos e fazê-los em conjunto ou para nós mesmos? Podemos procurar novas relações através de formas diferentes de materializar?

Designers que contribuíram para a exposição Materialidades: Alexandra Fruhstorfer, Atelier NL (Nadine Sterk e Lonny van Ryswyck), Bastian Beyer + Daniel Suarez, Beate Lendt, Eugenia Morpurgo + Olivia de Gouveia, Futurefarmers, Julia Lohmann, Lucy Hughes, Rael San Fratello, The Home Project (Álbio Nascimento e Kathi Stertzig), The Living (David Benjamin), Vollebak, Violaine Buet, Seçil Uğur Yavuz, Spectroom (Ana Fonseca e Brimet Silva), Studio Klarenbeek & Dros, Studio Nienke Hoogvliek, Swine Studio (Azusa Murakami e Alexander Groves).

Arquivo da Matéria Viva

O Arquivo da Matéria Viva — é um arquivo físico e digital dinâmico de materiais, artefactos, coisas vivas, matérias e práticas transformadoras que irá crescer durante a Biennale. Novos artigos trazidos pelos participantes dos workshops orientados na Casa do Design e no Museu da Quinta de Santiago, em Matosinhos, e na Quinta da Bonjóia, no Porto, irão integrar o arquivo. Convidamos também os cidadãos a adicionarem artigos ao arquivo. Desenhe a sua própria expedição material, torne-se um explorador material.  

 

 

Workshops

O Museu da Matéria Viva engloba três workshops para explorar diferentes ambientes materiais no território local; recolher matéria ou amostras materiais; experimentar com a construção de materiais e artefactos; e acrescentar novos registos ao Arquivo da Matéria Viva.

Rio

Navegando o cuidado — Aprender com a água para o bem comum

Quinta da Bonjóia, Porto

19 e 20 de junho

Alastair Fuad-Luke (Reino Unido/Portugal) e Tiago Patatas (Portugal)

Ao explorar diferentes formas de saber, os participantes irão questionar que modos de coexistência multiespécies poderão ser amplificados pelo poder transformativo da água.

(Em português e inglês)

 

Terra

Cativando a Fibrosfera — Tornando fibras têxteis em nova matéria

Casa do Design, Matosinhos

24 26 junho

Alexandra Fruhstorfer (Áustria) e Seçil Uğur Yavuz (Itália/Turquia) 

Reunindo microfibras de plástico tóxicas de casas e locais nas cidades do Porto e de Matosinhos, os participantes irão convertê-las novamente em matéria que não deverá voltar a ser poluente.

(Em inglês)

 

Mar

Laminaria Prophesea — Desenhando com algas

Museu da Quinta de Santiago, Matosinhos

6 8 julho

Julia Lohmann, (Alemanha) e Violaine Buet (França)

Combinando a literacia sobre os mares com uma viagem de exploração material de algas, os participantes irão desenvolver um novo ritual para honrar os nossos ‘parentes’ marítimos.

(Em inglês)

 

Créditos

Curador Alastair Fuad-Luke

Assistente de Curadoria Raquel Pais

Assistente de Investigação Tiago Patatas

Designers Comissariados Álbio Nascimento, Alexandra Fruhstorfer , Eugenia Morpurgo, Julia Lohmann, Kathi Stertzig , Seçil Uğur Yavuz, Tiago Patatas, Violaine Buet

Design Gráfico (1234) Irina Pereira, João Castro, Miguel Almeida, Serafim Mendes

Design Expositivo Miguel Flor , Cristina Hora

Coordenação de Montagem Sofia Meira, Eleonora Fedi

Consultoria Multimédia Alexandre Costa

Apoio de Som e Vídeo Ana Pinto, Bruno Mesquita

Apoio à Montagem Filipe Pinto José Castro, Carlos Rocha, Alexandre Barbosa, Diogo Oliveira

Agradecimentos Altice Portugal, Ana Marta Marcelino da Cruz Ramos Coutinho, Ana Rita de Sousa Alves Peixoto, Angela Beneton Crosato, Burel Factory, CIIMAR, Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental, Centro de Materiais da Universidade do Porto, Constança Pupo Correia Seabra Cardoso, Cooperativa de Produção dos Operários Pedreiros Portuenses, Débora Borges, Erminda Santos, Helena Sant’Ovaia, Ilídio Serôdio, Inês Gonçalves da Silva, Isabel Azevedo, Lipor, Museu Municipal de Castro Daire, Marisa Graça, Paulo Alves, Sofia Duque Lemos, Sofia Vaz, Vera Lúcia dos Santos Sousa

Com o apoio de Corticeira Amorim, Moda Portugal, Valerius 360